A educação da atenção em Tim Ingold: um compromisso ontológico com a vida

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/praxisedu.v19i50.12666

Palavras-chave:

educação da atenção, Tim Ingold, compromisso ontológico, Continuidade da vida

Resumo

O presente escrito tem como objetivo demostrar que mediante seu compromisso ontológico, a educação acena para uma melhor compreensão da participação do humano na produção do mundo. Para tal, partimos da noção de “educação da atenção”, do antropólogo britânico Tim Ingold. A partir desse pressuposto, o texto assume a posição de que a preocupação fundamental da educação precisa dizer respeito a um compromisso ontológico com o mundo e com àqueles que os constitui. Conclui-se que o pensamento de Ingold nos possibilita explorar o compromisso ontológico da educação, ao se atentar para uma noção de educação em que está preocupada com a continuidade da vida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Elder Silva Correia, Faculdade do Nordeste da Bahia - Brasil

Doutor em Educação pela Universidade Federal de Sergipe (UFS). Mestre em Educação Física pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Membro do Grupo de pesquisa “Corpo e política”. Professor do Departamento de Educação Física da Faculdade do Nordeste da Bahia – (FANEB). Contribuição de autoria: autor do texto.

 

Fabio Zoboli, Universidade Federal de Sergipe - UFS

Pós-doutor em Educação do Corpo pela Universidad Nacional de La Plata (UNLP-Argentina). Doutor em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Membro do Grupo de pesquisa “Corpo e política”. Professor do Programa de Pós-graduação em Educação (PPGED) e do Departamento de Educação Física da Universidade Federal de Sergipe – (UFS). Contribuição de autoria: autor do texto.

Referências

ARENDT, Hannah. Entre o passado e o futuro. São Paulo: Perspectiva, 2016.

CORREIA, Adriano. Natalidade e amor mundi: sobre a relação entre educação e política em Hannah Arendt. Educação e Pesquisa, São Paulo, v.36, n.3, p. 811-822, set./dez. 2010. DOI:10.1590/S1517-97022010000300011 Disponível em: https://www.scielo.br/j/ep/a/Hpsxn9MYhxBhmWHLPx3pnQx/?lang=pt Acesso em: 04 abr. 2023.

INGOLD, Tim. Da transmissão de representações à educação da atenção. Educação, Porto Alegre, v. 33, n. 1, p. 6-25, 2010. Disponível em: https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/faced/article/view/6777 Acesso em: 23 abr. 2023.

INGOLD, Tim. Estar vivo: ensaios sobre movimento, conhecimento e descrição. Petrópolis: Vozes, 2015.

INGOLD, Tim. Antropologia, para que serve? Petrópolis: Vozes, 2019.

INGOLD, Tim. Antropologia e/como educação. Petrópolis: Vozes, 2020.

Downloads

Publicado

2023-08-01

Como Citar

CORREIA, E. S.; ZOBOLI, F. A educação da atenção em Tim Ingold: um compromisso ontológico com a vida. Práxis Educacional, Vitória da Conquista, v. 19, n. 50, p. e12666, 2023. DOI: 10.22481/praxisedu.v19i50.12666. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/12666. Acesso em: 23 maio. 2024.